Un adiós…Mercedes Sosa

Tem muita cosia que quero escrever, digamos que o finde rendeu neuras emocionas, observações da vida e muitas coisas. Mas  não vou escrever sobre nada disso, vou falar de uma tremenda, gigantesca artista argentina e Latina Americana, Mercedes Sosa.

Eu cresci escutando ela cantar, bem acho que a maioria dos filhos da américa hispânica e alguns brasileiro cresceram ouvido essa voz tão potente que tinha essa mãe latina.

Mercedes Sosa era uma guerreira, lutando sempre pelo que acreditava. Uma artista, cantora, com uma voz forte, marcante que a usava para propagar suas idéias de forma artística. Idéias que sempre estavam ao lado dos oprimidos, procuravam igualdade e justiça. Nunca deixou de lado seu lado de musicista de protesto. E não apenas visando seu pais, Argentina, mas a América Latina.

Para quem não conhece, ela é um ícone do folk (musica folclórica) da Argentina e da América Latina. Valorizou a raiz sonora do cone sul, fez melodias que tinha sua principal influencia na sonoridade dos nossos índios latinos e procurava sempre integrar a letras que tivessem uma mensagem de contestação. Foi uma das mães, se não a principal mãe, da nova sonoridade de musicas de protesto que borbulhava nos 60 e 70 na América Latina, que se encontrava em um quadro político de repressão. Suas musicas mostravam todo o contexto histórico, que era perfeitamente interpretado com a voz e emoção de Mercedes Sosa.

Ela marcou muito minha infância. Um dos causos divertidos é na primeira vez que fui pro Chile, de carro, levamos várias fitas K7 (olha a modernidade!). Alem de balão mágico, tinha muita coisa entre elas Mercedes Sosa. Lembro que quando ficou de noite uma vez, acho que cruzávamos o pampa argentino, papis e mamis colocaram uma fita onde Mercedes cantava e era a música Duerme Negrito. Pra mim essa música sempre foi de criança, a melodia dela sempre ficou na mina cabeça.

A emoção que ela colocava nas músicas era única. O mundo da música latino americano e mundial perdeu uma tremenda voz e mulher fantástica. Nas ruas de Buenos Aires, hoje ela recebeu demonstrações infinitas de carinho, respeito e saudades que todos já sentem.

Gracias,Negra!

Besitos Soleil!


Momento Groupie

E eu perdi o show dela com a Maria Rita, mas a vi nos palcos. Sosa preenchia o palco perfeitamente!


Anúncios

1 Response to “Un adiós…Mercedes Sosa”


  1. 1 Ricardo Cifuentes Aldunate outubro 14, 2009 às 1:49 pm

    Duerme Negrita sería la última canción que deberiamos cantarle para que entre en el Panteón de los Ángeles y allí se quede contodos los otros cantores y músicos!!!(mientras tanto,la escucho cantando “Qué será,que será!”,en la radio,junto con la Elba Ramalho).


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




¡Filosofia Soleil!

Just Looking

Houve um erro ao recuperar imagens do Instagram. Uma tentativa será refeita em poucos minutos.

Twito Logo existo


%d blogueiros gostam disto: