Palace; Chapel Club

A primeira coisa que você pensa depois de dar o play no álbum Palace, dos britânicos Chapel Club, é: Estou escutando uma banda de Manchester do começo dos 80. Aquele som melancólico, com letras poéticas com histórias amorosas no meio, com uma voz densa e que ainda anima. Este é o som do Chapel Club, formada por: Lewis Bowman (vocal), Michael Hibbert (guitarrista), Liam Arklie (baixista), Alex Parry (guitarrista) e Rich Mitchell (baterista).

Palace, o primeiro CD da banda, já começa interessante pelo nome do álbum, que era o primeiro nome da banda. O quinteto britânico, achou interessante colocar Palace, como uma maneira de manter a origem.

Em todo o disco é notória a influencia de bandas como My Bloody Valentine, New Order, Deerhunter, Scott Walker, Neil Young, Sonic Youth e Arthur Russell, claro que Joy Division está entre as influencias, talvez seja a mais notória das bandas que inspiram o quinteto.

O primeiro single de Palace foi Surfacing, que logo na introdução tem uma batida clássica das bandas do cenário de Manchester nos 80, uma música forte tanto na sonoridade como na letra. The Shore segue essa linha densa, com um viés “happy” a la New Order assim como a All The Eastern Girls. Meu destaque vai para White Knight Position, uma musica com uma melodia fantástica e uma batida com personalidade, além da guitarra sensacional.

Sobre este primeiro álbum, Lewis diz que a idéia é contar uma história de amor, mas não do conceito banal das histórias amorosas como dos filmes, mas um história que tenha momentos bons e ruins, ou seja real.

“The album’s a love story. The whole thing’s about love, but not in a typical way, it’s not about falling in or out of love. I don’t really understand the concept of love as a fall. Real love doesn’t strike me as being so sudden or swift or clean or complete. For me, the album is like the fragmentary history of a long relationship, as well as a reflection on some of the questions you ask yourself as you move from youth to adulthood.” (Lewis Bowman)

Personalidade é algo que não falta neste trabalho de estréia dos britânicos do Chapel Club. Um disco bem elaborado, trazendo de volta uma melodia característica do início dos 80, com a pitada certa de renovação.

Site Oficial: www.chapelclub.com
MySpace: www.myspace.com/chapelclub

Momento Brit
Digo e repito: UK sabe fazer rock!

Anúncios

0 Responses to “Palace; Chapel Club”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




¡Filosofia Soleil!

Just Looking

Houve um erro ao recuperar imagens do Instagram. Uma tentativa será refeita em poucos minutos.

Twito Logo existo


%d blogueiros gostam disto: